TRÊS CAMIÕES A GÁS NATURAL IVECO S-WAY COM SHELL BIO-LNG

TRÊS CAMIÕES A GÁS NATURAL IVECO S-WAY COM SHELL BIO-LNG

This article is also available in: de | en | es | fr |

NUNO

COOPERATIVA DE SUPERMERCADOS EDEKA MINDEN-HANNOVER OPERA 3 CAMIÕES IVECO S-WAY A GÁS NATURAL SHELL BIO-GNL AO LONGO DE UM ANO

A companhia energética Shell está a fornecer Bio-GNL à EDEKA Minden-Hannover e a dois outros clientes, num teste-piloto a um ano que está a ter lugar na Alemanha, naquele que é visto como um passo importante rumo à expansão das suas fábricas de biometano liquefeito para o transporte de longo curso. A EDEKA Minden-Hannover dedicou 3 dos camiões IVECO S-WAY a gás natural da sua frota para este projecto piloto.

BIO-LNC da Shell num IVECO S-WAY da EDEKA — Source: IVECO

Um compromisso para com o transporte zero emissões e a diminuição da poluição no centro das cidades

A EDEKA Minden-Hannover tem um compromisso de longa data com a sustentabilidade, focando-se em tornar a sua cadeia de abastecimento de bens o mais amiga do ambiente possível. Tal levou a empresa a abordar a sustentabilidade da sua frota, que inclui agora 10 camiões a gás natural IVECO Stralis NP, a que se juntam 40 unidades IVECO S-WAY.

«A conversão da nossa frota de veículos, que representa a espinha dorsal de todas as nossas atividades logísticas, é uma alavanca fundamental para reduzir a nossa pegada ambiental», resume Thomas Steinlein, Responsável de Frota e Gestão de Transporte, da EDEKA Minden-Hannover. «A utilização de Bio-LNG ao longo de todo o processo seria, muito naturalmente, um grande passo em frente para alcançar as zero emissões. Como tal, estamos muito satisfeitos por participar neste projeto-piloto destinado a mostrar o quanto este avançado biocombustível pode contribuir para alcançar este objetivo.» Há, no entanto, outro aspeto importante no domínio da diminuição dos óxidos de azoto (NOx) e partículas (PM): «Os nossos veículos operam principal e frequentemente em cidades do interior, altamente poluídas. Ao utilizarmos LNG ou mesmo Bio-LNG, já estamos a reduzir consideravelmente esses valores de poluição.»

BIO-LNC da Shell num IVECO S-WAY da EDEKA — Source: IVECO

No caminho da descarbonização do transporte rodoviário com o Bio-GNL da Shell

O biometano liquefeito utilizado pela Shell é produzido a partir de resíduos agrícolas. Cumprindo com os critérios da Diretiva sobre Energias Renováveis (REDII) entretanto revista da União Europeia, é um produto de economia circular sustentável. Assim, a EDEKA Minden-Hannover e os restantes clientes envolvidos no projeto-piloto irão receber declarações sobre a sustentabilidade do produto e os benefícios em termos de carbono.

Fabian Ziegler, Responsável da Shell Alemanha considera este teste-piloto com biometano liquefeito como um passo muito importante rumo à futura expansão dos planos da Shell no domínio do Bio-LNG para o transporte de longa distância: «A fábrica de Bio-LNG da Nordsol tem o arranque da produção planeado já para este verão, de modo a abastecer a nossa rede europeia. De seguida, iremos progredir por fases e com limites, uma vez que apresentámos em Colónia um pedido de autorização de planeamento para uma fábrica com 100.000 toneladas de capacidade, destinada à produção de biometano liquefeito no Parque de Energia e Produtos Químicos de Rheinland, projeto que esperamos poder arrancar no próximo outono. Tal permitir-nos-ia abastecer com Bio-LNG os nossos postos Shell na Alemanha, bem como os seus clientes de todo o país já em 2023, ajudando, com isso, a reduzir as emissões de carbono geradas pelo transporte de longa distância a um máximo de um milhão de toneladas.»

BIO-LNC da Shell num IVECO S-WAY da EDEKA — Source: IVECO

Uma frota verde graças à tecnologia líder da IVECO no domínio do gás natural

Os IVECO Stralis NP e os IVECO S-WAY a gás natural da frota da EDEKA Minden-Hannover estão equipados com motores Cursor 13 a gás natural, blocos que cumprem com as normas de emissões Euro VI Fase D, podendo operar a 100% com o biometano liquefeito com a qualidade do disponível no mercado. Não são necessárias alterações técnicas ou adaptações especiais para operar com este Bio-LNG, sendo que os termos de garantia e os intervalos de manutenção são os mesmos dos aplicados aquando do funcionamento a gasóleo. Os dois grandes depósitos de 540 litros de uma versão 4x2 de 460 cv permitem ao camião a gás natural da IVECO conter, pelo menos, 390 kg de Bio-LNG, proporcionando uma autonomia máxima de 1.600 quilómetros, sem necessidade de reabastecimento.

Em comparação com um camião a gasóleo, regista-se uma considerável diminuição de emissões de óxido de azoto e de partículas, vendo-se o CO2 reduzido a um máximo de 95%. Isto representa um acesso ilimitado a zonas de baixas emissões nos centros das cidades, agora e no futuro. Em complemento ao baixo consumo de combustível, as unidades de tração a gás natural da IVECO presentes na frota da EDEKA Minden-Hannover também impressionam pela tranquilidade da sua operação, tornando-os perfeitos para áreas com restrições de ruído e abastecimentos noturnos dos seus supermercados.

Comentários