SHELL REGRESSA A PORTUGAL

SHELL REGRESSA A PORTUGAL

NUNO

GRUPO DISA TRAZ DE VOLTA A MARCA SHELL DEPOIS DE 17 ANOS SEM POSTOS DE ABASTECIMENTO EM PORTUGAL

A Shell, representada pelo grupo DISA no mercado ibérico, volta a operar no negócio dos postos de abastecimento de combustíveis em Portugal.

Na inauguração da área de serviço de Mira-Sintra, realizada ontem dia 28 de outubro, a empresa reuniu mais de uma centena de convidados para assinalar o regresso da marca a Portugal. O evento contou com a presença de José Carceller, Diretor presidente da DISA, Javier de Argumosa, Diretor de Desenvolvimento Internacional da DISA, Pedro Morais Leitão, CEO da PRIO,  Kai-Uwe, Diretor dos Mercados Licenciados da Marca Shell Internacional, Guilherme Marques, administrador da PRIO e representante da DISA para a Shell em Portugal, entre muitos outras entidades oficiais, parceiros, clientes, fornecedores e colaboradores.

Representantes do Gupo DISA — Source: DISA

Numa receção cheia de energia, houve oportunidade para ver de perto um protótipo de um carro de F1 da Scuderia Ferrari, vários exemplares da Ferrari e da Ducati, marcas intimamente relacionadas com a Shell, e ainda testar a perícia num simulador de condução numa pista de F1.

O grupo DISA, mantém uma política de Responsabilidade Social ativa, e não podia deixar passar a data sem apoiar algumas das forças vivas da região, num gesto simbólico de aproximação e envolvência com a comunidade. Estiveram presentes os altos representantes dos Bombeiros Voluntários de Agualva-Cacém, do Atlético Clube do Cacém, da Associação Novo Futuro e da Paróquia de Mira-Sintra.

A Shell volta ao mercado português e conta já com uma rede de 14 estações de serviço localizadas desde Braga até Tavira. O objetivo da marca é ficar em Portugal durante muitos anos, e procurar chegar cada vez mais perto dos clientes Portugueses, aproveitando as oportunidades de negócio e de parcerias. A marca é conhecida pela oferta de soluções energéticas para a mobilidade sustentável, com combustíveis eficientes e de qualidade comprovada que permitem reduzir o consumo e as emissões de CO2. No mercado português a oferta não será exceção, disponibilizando os seus combustíveis V-Power e V-Power Racing, para além de um novo conceito de lojas que espera conquistar o mercado.

Recorde-se que em 2004 a empresa vendeu a sua rede de estações, mas continuou a operar em Portugal num modelo diferente, com o negócio de Lubrificantes e com o negócio EuroShell para grandes clientes portugueses de transporte internacional. A Shell está a apostar num modelo de negócio que assenta num modelo de franchising em todo o mundo, e que irá também seguir em Portugal. A marca não regressa diretamente, fá-lo através do Grupo DISA, o mesmo que opera as estações Shell em Espanha, uma holding que já tem presença em Portugal, tendo adquirido em 2020 a marca PRIO.

Author: DISA

Comentários